Amazônia 360º News
Portal de notícias socioambientais

-publicidade-

Frutas exóticas produzidas no Amazonas ganham destaque nas Feiras de Produtos Regionais da ADS

O auge da safra de rambutan e pitaia vai até meados de junho, de acordo com as condições climáticas

Entre os meses de dezembro a junho, as Feiras de Produtos Regionais realizadas pela Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS), do Governo do Estado, são abastecidas com duas frutas exóticas: rambutan (ou rambutão) e pitaia (ou pitaya). Na região metropolitana, é comercializada mais de uma tonelada dos produtos, por semana. Com o período de safra no auge, devido às condições climáticas, os consumidores que adquirem os itens contribuem para a valorização dos produtores rurais do Amazonas e para a própria saúde, pois são alimentos ricos em propriedades nutricionais.

Conforme o Chefe de Departamento de Negócios Agropecuários e Pesqueiros da ADS, Edson Luniere, os consumidores podem encontrar as frutas em todas as feiras da capital.  “A safra da pitaia acontece principalmente de dezembro a abril e, no restante do ano, ela reduz a produção. No caso do rambutan, vai até meados de junho. Os produtores têm boa expectativa de vendas para essa época e o Governo auxilia disponibilizando os espaços para que eles comercializem seus produtos diretamente com os clientes”, disse.

As feiras da ADS em Manaus funcionam de terça-feira a domingo em nove locais na área urbana e uma feira na zona rural, além de 35 municípios do interior com uma grande variedade de produtos regionais, como frutas, legumes e hortaliças. Os alimentos saem da plantação dos agricultores e vão direto para a mesa dos amazonenses, sem a presença do intermediário, o que pode reduzir os custos.

Benefícios – O rambutan, é um fruto rico em cálcio e vitamina C, sendo considerado um excelente antioxidante. Conforme dados da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), a fruta possui em sua composição 22 miligramas de cálcio por cada 100 gramas da fruta. A mesma quantidade também comporta 30 miligramas de fósforo, 2,5 miligramas de ferro, 0,1 miligramas de niacina, 108,6 miligramas de vitamina C (pouco superior à quantidade encontrada na laranja), além de apresentar baixo teor de gordura.

Também presente nas bancas dos agricultores nas feiras da ADS, a pitaia, fruto com aparência exótica, apresenta um sabor suave e adocicado, além de propriedades benéficas à saúde humana. Apesar de ainda tímido, o consumo do fruto aumentou nos últimos anos. No Amazonas, a pitaia é produzida em abundância em projeto pioneiro em fazendas de Iranduba e Manacapuru.

A nutricionista da ADS, Fabiana França, destaca que o rambutan e a pitaia são ricos em propriedades nutricionais, como a vitamina C, e agem como antioxidantes. “A pitaia é rica em licopeno e possui níveis altos de vitamina C, ajuda no sistema imunológico e possui substâncias antioxidantes que combatem, inclusive, as doenças crônicas degenerativas. O rambutan é fonte de cálcio, fósforo, ferro e vitaminas C e A. Ajuda também no envelhecimento precoce e combate os radicais livres”, conta a especialista.

Onde encontrar: Todas as feiras da ADS disponibilizam a venda das duas frutas. Veja a lista e os dias, horários e locais de funcionamento em Manaus:

Terças-feiras:

 • Das 14h às 19h, no Sumaúma Park Shopping (Cidade Nova)

• Das 14h às19h no Manaus Plaza Shopping (Chapada)

 Quartas-feiras:

 • Das 15h às 19h, no estacionamento do Shopping Ponta Negra

 Quintas-feiras:

• Das 14h às 19h, no Manaus Plaza Shopping (Chapada)

• Das 14h às 19h, na praça de alimentação, na rua José Bonifácio (Dom Pedro)

Sábados:

• Das 5h às 11h, no Centro Cultural dos Povos da Amazônia (Bola da Suframa)

• Das 5h às 11h, no Comando Geral da Polícia Militar (Petrópolis)

• Das 5h às 11h, no Centro de Convivência Padre Pedro Vignola (Cidade Nova)

Sábado e domingo

• Das 7h ao meio-dia, na Rodovia AM-010, Km 29 (sentido Rio Preto da Eva)

Domingos:

• Das 6h ao meio-dia, no Complexo Turístico da Praia da Ponta Negra, no estacionamento em frente ao anfiteatro.

você pode gostar também