Amazônia 360º News
Portal de notícias socioambientais

-publicidade-

Auxílio Enchente: famílias do Amazonas celebram benefício em meio à subida dos rios

Parcela única de R$ 300 é garantida a famílias com casas afetadas pela enchente

O fenômeno natural acontece todos os anos, com as águas invadindo as ruas de cidades amazonenses e trazendo prejuízos para a população. Neste cenário de enchentes, milhares de famílias ribeirinhas contabilizam suas perdas e, agora, celebram o recebimento do Auxílio Estadual Enchente, benefício do Governo do Amazonas que contempla as famílias afetadas pela subida das águas.

O cartão Auxílio Estadual Enchente já está disponível para 40 mil famílias do Amazonas que sofrem os impactos da cheia dos rios, conforme destacou o governador Wilson Lima. Os cartões já estão sendo distribuídos em Eirunepé, Guajará, Ipixuna, Envira, Boca do Acre, Itamarati, Manacapuru, Benjamin Constant, Anamã, Juruá, Itacoatiara e Caapiranga.

O benefício foi criado para dar dignidade à população e minimizar os impactos da elevação do nível dos rios. Idealizado pelo governador durante a maior enchente do Amazonas, em 2021, o programa distribui os recursos para auxiliar famílias que tiveram suas casas invadidas pelos rios.

São famílias como a da Maria Auxiliadora da Silva, de 62 anos, moradora do bairro Biriri, no município de Manacapuru (a 68 quilômetros de Manaus). O dinheiro na conta será para comprar comida para a família.

“Toda vez que ele (Auxílio Enchente) vem, vem em boa hora, e eu agradeço muito a Deus porque toda vez que nós estamos na enchente, chega esse benefício para nós. Ainda não tinha visto (um auxílio como esse). Às vezes chega o dia de você não ter nada para comer, nem para temperar, então o auxílio veio em boa hora, principalmente para quem tem criança”, disse.

Manacapuru foi o primeiro município a iniciar a distribuição dos cartões. No início de maio, 9 mil famílias já haviam sido afetadas em 12 bairros, onde mais de 60 ruas estavam alagadas pelas águas dos rios Miriti, Solimões e Manacapuru.

Morador do bairro Liberdade, o aposentado Raimundo Conceição pretende iniciar a montagem das pontes de madeira para facilitar o transporte dentro da casa alagada.

“Com esse cartão, eu vou comprar madeira para fazer a minha ponte. Para quem mora aqui, em Manacapuru, que é ribeirinho como eu, que mora na margem do rio Miriti, é meio triste, porque todo ano acontece a mesma coisa. A gente está sujeito a jacaré, a cobra, e as crianças que podem cair e morrer afogadas. (O Auxílio) é o que mais nós precisamos”, disse.

Operação Enchente

A distribuição dos cartões faz parte das ações da Operação Enchente 2022. O benefício é destinado à aquisição de alimentos e outros itens necessários para enfrentar impactos da cheia dos rios.

Serão beneficiadas famílias cadastradas pelos órgãos de Defesa Civil dos municípios, e que tiveram suas casas invadidas pelas águas com a subida dos rios.

Em alguns municípios do estado, a Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP) e o Subcomando de Ações de Proteção e Defesa Civil do Amazonas também estão organizando outras ações de ajuda humanitária, como a doação de hipoclorito de sódio para ampliar oferta de água potável.

Famílias atendidas, por município, com o Auxílio Estadual Enchente 2022

Fonte: Defesa Civil do Amazonas

Manacapuru: 9.673

Eirunepé: 3.286 (concluído)

Ipixuna: 4.368

Guajará: 1.391

Envira: 1.333

Boca do Acre: 2.504

Itamarati: 1.532

Anamã: 2.680

Caapiranga: 2.040

Itacoatiara: 4.625

Benjamin Constant: 4.224

Juruá: 1.485

Borba: 5.403

você pode gostar também